18 de Abril de 2017 Cícero Araújo
Imprimir    E-mail

Menos acidentes na Semana Santa

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) concluiu a Operação Semana Santa, que teve início na última quinta-feira. O número de mortos se manteve o mesmo de 2016: três. Em relação ao número de acidentes, houve redução, de 27 em 2017 para 26 neste ano. Por outro lado, o número de feridos foi maior: 27 contra 14 em 2016. Todas as mortes estão relacionadas à acidentes envolvendo motocicletas.
A PRF deu ênfase a quatro alvos considerados os que mais afetam a segurança no trânsito rodoviário: excesso de velocidade, veículos duas rodas, ultrapassagens irregulares e embriaguez. 

Velocidade

Os acidentes mais graves são decorrentes do abuso no acelerador. As vítimas de acidentes onde o veículo estava em velocidade excessiva saem, na maioria dos casos, graves ou mortas. A embriaguez ao volante é outra causa de acidentes graves. Às vezes, associados ao excesso de velocidade.
 Outro perfil de condutor que vem se destacando negativamente no trânsito brasileiro é o usuário de veículo de duas rodas, que são as motocicletas, ciclomotores e motonetas. Muitos, sequer, são habilitados; o que agrava ainda mais os riscos de acidentes. Ao final, foram registrados 26 acidentes, que produziram 27 feridos e três mortes.

 

 

Rammom Monte 



« Voltar
 
Voltar ao topo ↑