Campinense confirmou favoritismo sobre o Serrano e assinalou a primeira goleada da temporada: 4 a 1 no Amigão

A primeira rodada do Campeonato Paraibano foi encerrada neste domingo (8), com quatro confrontos. Botafogo-PB, Campinense e CSP deram o pontapé inicial na competição com vitória. Paraíba e Sousa ficaram só no empate. O Treze já havia vencido o Atlético de Cajazeiras por 1 a 0 nesse sábado (7).

A próxima rodada do Paraibano acontece na quarta-feira (11), com cinco jogos. Internacional pega o Paraíba; CSP enfrenta o Treze; Grêmio Serrano desafia o Auto Esporte; Sousa confronta o Campinense e Atlético duela contra o Botafogo-PB.

Veja tabela do Campeonato Paraibano 2017

No geral, as partidas deste domingo foram bastante movimentadas, com direito a goleada do Campinense, gols impedidos e três pênaltis marcados, além da manutenção da invencibilidade do CSP diante do Auto Esporte. Saiba mais sobre cada jogo mais abaixo:

Botafogo 2 x 1 Internacional

No Estádio Almeidão, em João Pessoa, o Internacional até que tentou partir para o ataque assim que o árbitro autorizou o início da partida. Porém, o Botafogo-PB se impôs e dominou a posse de bola rapidamente, fazendo o visitante jogar na defensiva. Apesar de ter mais tempo com a bola, faltava entrosamento ao time do Belo, que desperdiçou muitos passes. O Botafogo fez algumas tentativas de gol no primeiro tempo, mas sem sucesso. Já o time do Internacional mal conseguiu avançar para o campo do alvinegro.

O Belo só se encontrou dentro de campo na segunda etapa do jogo. Aos 3 minutos, Wanderson recebeu cruzamento de Marcinho e mandou a bola no travessão. No rebote, ele não deixou chances para a defesa adversária. Vinte minutos depois, Marcinho aumentou a vantagem do Botafogo-PB após receber sobra de Warley. Mas o Internacional reagiu: aos 28 minutos, Jó Boy invadiu a área botafoguense e chutou forte ao gol, abrindo o placar dos visitantes.

Aos 44 minutos, Warley ainda voltou a assustar o Internacional, mas o goleiro Adson evitou o terceiro gol do Belo. A partida seguiu até os 49 minutos, sem mais emoções.

Campinense 4 x 1 Grêmio Serrano

Considerado favorito no jogo, o Campinense recebeu o Grêmio Serrano, recém chegado da Segunda Divisão, no Estádio Amigão, em Campina Grande. Ainda nos primeiros minutos, a Raposa criou duas chances, com Marcos Paullo e Augusto, mas esbarrou em boas defesas do goleiro Juci.

Mas não demorou muito até que o placar fosse aberto. Gilmar marcou para os donos da casa após receber passe de Filipe Ramon, aos 12 minutos. Aos 15, o Campinense fez mais um, mas a arbitragem marcou impedimento. A ampliação da vantagem rubro-negra veio aos 44 minutos, quando Augusto finalizou com categoria em cruzamento na área.

O Campinense voltou no segundo tempo com a mesma superioridade e alargou ainda mais o placar aos 7 minutos, em pênalti cobrado por Thiago Orobó. Aos 32 minutos, Augusto aumentou a festa da torcida raposeira, ao marcar o quarto gol do Campinense.

O Lobo da Serra conseguiu fazer o gol de honra aos 44 minutos, em jogada de Alemão.

Auto Esporte 1 x 2 CSP

O Auto Esporte recebeu o CSP no CT Ivan Thomaz, em João Pessoa, com um retrospecto nada favorável. Há três anos o Macaco Autino não vence o Tigre no Campeonato Paraibano. E, pelo décimo jogo consecutivo, o CSP pareceu entrar mais enérgico em campo. Foram algumas tentativas e um gol marcado aos 12 minutos, mas impedido pela arbitragem. Depois disso a partida seguiu morna, até que no fim do primeiro tempo, o time alvirrubro sofreu pênalti e o camisa 11 Tadeu abriu o placar.

Nos primeiros minutos do segundo tempo, Leandro, do CSP, foi derrubado na área e o árbitro deu pênalti. Bruno Paraíba foi para a cobrança e pegou mal na bola, que não entrou sem antes esbarrar na mão do goleiro Danilo e na trave. E eis que o retrospecto do Tigre começou a falar mais alto: Bruno Paraíba marcou de novo para concretizar a virada do CSP.

Paraíba 0 x 0 Sousa

O Paraíba recebeu o Sousa no Estádio Perpetão, em Cajazeiras. O duelo sertanejo foi fraco e terminou em empate sem gols.  

 

 

 

Redação